segunda-feira, 23 de março de 2009

Constelações

Com aqueles amigos, que amava como a irmãos, à época, éramos intrusos num mundo percorrido em vão.
Éramos resultado da chuva deslizando por paralelepípedos de ladeiras silenciosas, sendo enforcados no puxão da ciranda por um manto notívago e imundo.
Ávidos por liberdade, sob o sol e o efeito do vinho, observando os passos daqueles que eram humanos, caçoávamos deliberada e ternamente de nossas impossibilidades.
Ludibriávamos o suicídio em nossas mentes procurando cavalos alados que nos salvassem dos náufragos que nos tornamos.
No resgate do dia, fantasmas sobre a Terra, exauridos de nossas cegueiras, inigualáveis gargalhadas gaguejantes pedindo fuga sob as próximas constelações...

6 comentários:

Marinha disse...

Me fizeste fugir para dentro de mim, João. E esse encontro (comigo mesma) me fez feliz.
Bj, poeta

Mario Jaci disse...

Parabéns Poeta!
Também eu às vezes me sinto um estrangeiro em meio à selva nômade e anônima desta cidade de rostos apressados, carros apressados, julgamentos apressados!
E vem a imensa culpa onde me trituro, pilão profano que sepulta sonhos.
E a cíclica espiral de 24/24 horas, nosso propósito de colecionar vitórias, umas tão sólidas, outras irrizórias...
Um grande abraço, Companheiro!

Leonardo Raimundi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mariana Feistauer disse...

Tua constelação veio como uma lembrança, de um passado não tão distante, de uma parte da juventude que mesmo sendo fuga, também tentamos fugir.
Parabéns João, um dia espero conseguir escrever tão bem assim.
beijos

Jão disse...

Amigos, confesso que estou desconhecendo o verdadeiro significado dessa palavra. Talvez os que eu achava que o fossem eram apenas humano, e eu? ainda não sei direito o que sou.

Maju disse...

João, já sou sua fã/leitora desde os primeiros livros publicados!
Acho que nao te contei na última feira do Livro em POA, tinha acabado de adquirir seu livro de poemas e fui para um sarau: não tive dúvidas, escolhi um poema e recitei, falei de seu livro. Ao final algumas pessoas vieram em perguntar onde podiam comprar o livro!
Parabéns, bj grande guri!